Corrosão do ferro

Todos os metais se oxidam quando em contato com o oxigênio presente na água ou no ar (com exceção do Ouro e da Platina). Formando uma película de textura fina e aderente sobre o metal, assim essa oxidação acaba por proteger o metal, agindo como uma barreira, isolando-o dos agentes oxidantes (água e o ar). Evitando assim, o processo de corrosão.

Os metais ferrosos são metais que contém ferro em sua liga (Aço Carbono, Ferro Fundido), também sofrem o processo de oxidação, mas é uma oxidação mais agressiva, chamada de corrosão, que é o desgaste do metal.

Essa corrosão apresenta uma textura grossa de aspecto escamoso, e não isola o metal do oxigênio, presentes no ar e na água.

Por não ser uma oxidação aderente, o metal tende a ter uma maior desprendimento da liga, e a corrosão volta a se formar até a transformação total do metal em ferrugem.

A ferrugem é a oxidação do ferro. Quando em contato com o oxigênio, os metais ferrosos começam a formar o hidróxido de ferro (camada porosa de cor avermelhada), destruindo a resistência do metal.

 

Oxidação – Todos os metais podem sofrer o processo de oxidação. O motivo mais comum é o contato direto do metal desprotegido (sem pintura, por exemplo) com o ar, vapor d’água ou água.

A oxidação é o início do processo de degradação do metal e deve ser tratada logo no início, para não dar origem à corrosão e ferrugem no caso dos metais ferrosos.

Corrosão – A corrosão é o desgaste do metal a partir da oxidação. Em um ciclo vicioso, ocorre um maior desprendimento do metal, que vai ficando cada vez mais exposto aos danos causados pelo contato com a atmosfera.

Se o metal contar com ferro em sua composição – como aço e ferro fundido – dá-se início à ferrugem.

Ferrugem – Quando estão oxidados e corroídos, os metais ferrosos começam a gerar o hidróxido de ferro, a camada avermelhada conhecida como ferrugem. A ferrugem destrói a resistência do metal e, dependendo de sua amplitude, inviabiliza a recuperação.

 

História do ferro

O ferro é usado desde os tempos mais remotos cerca de 4.000 a 3500 antes de Cristo é o quarto elemento mais abundante na crosta terrestre e é encontrado na forma de hematita.

O ferro é encontrado na natureza sob a forma de óxidos em rochas como a magnetita hematita e outras. É um dos metais mais utilizados no mundo por suas propriedades físicas e o baixo custo.

O Brasil é um dos maiores produtores de Ferro do mundo. As regiões onde se concentram as maiores reservas do minério de ferro é no Pará, Piauí e Minas Gerais.

Do ferro é obtido a liga de Aço e possui grande aplicação em nossa sociedade, adicionando 0,5 a 1,7% de carbono e outros metais, pode ser trabalhada nas máquinas de laminação e extrusão, dando a liga uma dureza maior e elevada resistência mecânica por isso é muito usada na construção civil.

 

Oxidação do ferro

 

O ferro diferente dos outros metais têm a formação da oxidação porosa que não aderente ao metal. Portanto o metal continua se oxidando até sua deterioração total.

A corrosão é um processo natural em que o metal é deteriorado por meio de reações entre ele e os agentes naturais. Esses processos causam grandes prejuízos econômicos e sociais, pois traz danos estruturais em edifícios em edificações.

A corrosão ocorre porque metais com exceção do ouro e da Platina possuem potenciais de oxidação maiores que o oxigênio dessa forma eles perdem elétron para o oxigênio presente no ar.

 

Proteção do ferro

Para evitar a corrosão do ferro existem alguns processos, entre eles está a galvanização, onde empresas especializadas, aplicam uma camada de zinco na superfície do ferro, é um processo simples, onde a intenção é que o zinco, se oxide antes do ferro.

Existem outros tratamentos de superfície, tais como, cromação, latonagem, niquelação, que protegem o metal dos agentes oxidantes presentes na nossa atmosfera.

Ou, uma proteção como pinturas com tintas próprias para metal, acabam protegendo o ferro da oxidação.

 

 

Se gostou do artigo compartilhe com seus amigos.

 

Luci Buzo

 

 

 

Veja também:

O que é aço Corten

Pátina efeito aço Corten

Decorando com aço Corten

Como oxidar o aço e obter o efeito do aço Corten

Receba as novidades por Email

No spam guarantee.

I agree to have my personal information transfered to MailChimp ( more information )

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: